Sobral

Dom Vasconcelos celebra Natal com pacientes na Santa Casa

Clima de Natal trouxe fé, coragem e perseverança aos pacientes, familiares e funcionários. Momento encerrou-se com almoço
Na manhã da quarta-feira, 12, o bispo da Diocese de Sobral, Dom José Luiz Gomes de Vasconcelos, celebrou o Natal com pacientes, acompanhantes e funcionários da Unidade de Tratamento Dialítico e Transplante Renal da Santa Casa de Misericórdia de Sobral, Pe. José Linhares Ponte. O objetivo foi levar o Evangelho, coragem e fé a todas as pessoas que passam pelo tratamento. O sacramento da unção dos enfermos foi distribuído aos presentes.
Dom Vasconcelos iniciou lembrando que o acontecimento que ele foi anunciar mudou o rumo da terra: “O nascimento de Jesus foi um acontecimento simples e muito importante. Quando dizemos que vamos entrar em 2019, significa 2019 anos que Jesus nasceu em Belém de Judá, 2019 anos que reina nesse lugar, que é Nosso Senhor e Salvador”, enfatiza o bispo que externou o sentimento de abraçar e abençoar pessoas que passam por o processo doloroso de hemodiálise (procedimento através do qual uma máquina limpa e filtra o sangue, ou seja, faz parte do trabalho que o rim doente não pode fazer).

O bispo ressaltou que fim de ano é momento para realizarmos o balanço da vida: “Estamos agradando ou não a Deus? Nossa vida está correspondendo ao plano de Deus? Amanhã posso ser um pouquinho melhor do que sou hoje!”, reflete ele que garantiu que não viemos ao mundo por acaso, mas sim pelos “desígnios de Deus”. Dom Vasconcelos enfatizou a importância da fé no sofrimento: “É comum em situações difíceis nos perguntarmos: Por que estou sofrendo? Está sofrendo, mas não está só, Deus está com você!”, lembra ele.
Libertação
“Deus nos liberta das dores e sofrimentos através da Santa Unção”, disse ele iniciando o momento de bênção sobre os enfermos. O presente de Natal aos pacientes foi a distribuição do sacramento da unção dos enfermos para todos os batizados que quisessem oferecer a Deus seus sofrimentos em comunhão com a paixão do Senhor Jesus. Após a benção, Dom Vasconcelos desejou: “Um feliz e Santo Natal e que 2019 traga a graça que vocês pretendem alcançar”, conclui o bispo. A celebração da palavra encerrou-se com um almoço fraterno na recepção da Unidade para todos os pacientes, acompanhantes, funcionários e visitantes.
Personagens
João do Monte Boto, 73 anos- Residente em Tianguá ele declara: “Na oportunidade agradeço a Deus pela condição que me deu. Sou portador de problemas cardíacos, diabetes, hipertensão e agora deficiência renal. Acredito muito no altíssimo que faz com que me fortaleça e me de esperança de mais alguns dias junto de quem eu amo. Acredito que dias melhores virão. É uma satisfação, contentamento e prazer participar deste momento. Que Jesus ilumine a todos!”.

Francisca Simeão do Nascimento, 59 anos - “O coração dá vontade de chorar de alegria. Celebrações como essas incentivam mais a gente. Em outubro fez um ano que descobri que tinha Insuficiência renal. Passei oito dias na UTI; assim que cheguei fiz hemodiálise. Atualmente faço três dias na semana. Quatro horas por dia. Peço a Deus que me dê força e coragem. Estou bem melhor com o tratamento”, relata ela que mora em Jordão e participa da celebração pelo segundo ano consecutivo.
Legenda: Bispo diocesano foi levar o Evangelho, coragem e fé a todas as pessoas que passam pelo tratamento
Jornal Correio da Semana, Henrique Brito

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.