Brasil

Senado aprova reforma da Previdência em primeiro turno

Parlamentares aprovaram a proposta por 56 votos a 19; texto deve ser analisado novamente no dia 15
O Senado Federal aprovou, na noite desta terça-feira, 1º, a reforma da Previdência. Foram 56 votos a 19.
A proposta ainda precisa passar uma segunda vez pelo plenário da Casa para valer. A expectativa é de que o texto seja analisado novamente no dia 15 de outubro.
O plenário do Senado começou o processo de discussão do primeiro turno da reforma da Previdência logo após a aprovação da matéria na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Casa.
Além do texto base, o plenário deve votar separadamente dez tentativas de alteração na proposta, entre elas a que propõe a manutenção do abono salarial para quem ganha até dois salários mínimos.
Os destaques podem desidratar ainda mais a economia fiscal da reforma. Para que a reforma seja aprovada, são necessários 49 votos entre os 81 senadores. Cada destaque também precisa desse número de votos para ser aprovado.
O governo vai tentar retirar da proposta o item que dá autonomia a Estados e municípios para criarem alíquotas extraordinárias na contribuição de servidores públicos. A mudança foi feita por Tasso Jereissati por meio de emenda de redação, mas foi contestada por técnicos legislativos, pois mexeria no conteúdo da proposta e exigiria o retorno do texto à Câmara dos Deputados.
Noticias Band

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.