Brasil

PCC e máfia italiana se unem para lavar dinheiro da cocaína na Europa

Investigações da Guarda di Finanza da Itália, realizadas nos últimos dez anos, aponta que o Primeiro Comando da Capital (PCC) e a máfia italiana ‘Ndrangueta lavam dinheiro em comércio global de cocaína usando restaurantes e pequenos comércios no Brasil e na Europa.
A revelação é do adido policial italiano em Brasília, coronel Francesco Fallica, em reportagem do portal UOL. Atualmente a facção criminosa brasileira já monopoliza o tráfico de cocaína no Brasil.
Fallica afirmou ao UOL que o pagamento da máfia italiana para o PCC não acontece com o transporte do dinheiro vivo da Europa até os brasileiros. Em vez disso, os criminosos europeus abrem restaurantes, lojas e outros pequenos comércios no Brasil com capacidade para gerar muitos valores em espécie. Com a sobra lucrativa desses negócios é que o dinheiro da ‘Ndrangueta chega à facção brasileira.
Em 2020 a facção paulista pretende eleger 100 prefeitos e 250 vereadores no Nordeste, inclusive no Ceará.

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.