Ceará

Ministério Público ajuíza Ação Civil Pública contra ex-prefeita de Varjota

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), por meio da Promotoria de Justiça de Carnaubal, ajuizou uma Ação Civil Pública (ACP) por improbidade administrativa contra Rosa Cândida de Oliveira Ximenes, ex Prefeita de Varjota e o seu marido Glediston Paulino Ximenes, mais conhecido como “Glerton Paulino”, ambos do MDB.
A ação indica que a ex Prefeita Rosa Cândida cometeu, em parceria com “Glerton Paulino”, ato de improbidade administrativa que atenta contra os princípios da administração pública, violando os deveres de honestidade, imparcialidade, legalidade, e lealdade às instituições, e notadamente tendo praticado ato visando fim proibido em lei ou regulamento diverso daquele previsto, na regra de competência, regra transcrita no art. 11, caput e inciso I, da Lei de Improbidade Administrativa (Lei nº 8.429/1992).
Trata-se de fato ocorrido durante o pleito municipal de 2016, quando Rosa Cândida, então Prefeita Municipal, em concordância com “Glerton Paulino”, exonerou servidor por supostamente não estar alinhado à candidatura de sua aliada política, Célia Rodrigues (MDB), atual Prefeita de Varjota, representando claramente, na visão do Ministério Público, uma retaliação eleitoral. 

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.